ATENÇÃO
CIRCULAR INFORME IMPORTANTE

1. Pelas condições nacionais e internacionais da pandemia coronavirus, COVID-19, se mudam as datas do III Congresso Mundial de Transdisciplinaridade para a primeira semana de novembro de 2021, na modalidade presencial. Todas as inscrições aceitadas são conservadas para o programa do evento de 2021, e o processo de inscrição se conserva aberto através de Easy Chair, para países de outros continentes. A data do pagamento se posterga até o próximo ano.

 

2. O Congresso Mundial de Transdisciplinaridade, em formato virtual, se iniciará na última semana de outubro de 2020. Com esta modalidade, vão realizar-se Seminários Virtuais Transdisciplinarios durante um ano, que se relacionem com as problemáticas atuais como a pandemia do COVID-19, más também com outros temas importantes a nível mundial.

 

3. Além disto, durante o ano 2020/2021 se realizarão outras atividades nacionais e regionais em plataforma virtual, com o objetivo de que todos os aceitados, e os novos inscritos possam estar em contato sobre diversos temas transdisciplinarios.  

 

Acreditamos que é importante criar e fortalecer redes de pesquisa transdisciplinária para analisar e enfrentar os complexos contextos atuais, pelo que lhes propomos seguir trabalhando e não perder o ímpeto que gerou este Congresso, pois se receberam em torno de 800 participações de diversas partes do mundo.

 

IMPORTANTE: Neste site, em circulares periódicas do III Congresso Mundial, e nas redes sociais seguiremos dando informações generais e específicas sobre o Programa Virtual y Presencial do Congresso 2020/2021.

III CONGRESSO MUNDIAL DE TRANSDISCIPLINARIDADE DE 26 A 30 DE OUTUBRO DE 2020 NA CIDADE DO MÉXICO

Presentação

A Transdisciplinaridade já tem uma longa história.1 A palavra foi cunhada em 1970 por Jean Piaget, porém o sentido apenas foi clarificado em 1985, quando Basarab Nicolescu formulou os pilares da transdisciplinaridade. Em 1987 foi fundado em Paris o Centro Internacional de Pesquisa e Estudos Transdisciplinarios (CIRET).2

O I Congresso Mundial de Transdisciplinaridade foi realizado em 1994, no Convento de Arrábida, Portugal, de 2 a 7 de novembro. Os participantes do congresso adotaram a Carta da Transdisciplinaridade,3 assinada por centenas de pesquisadores transdisciplinares do mundo todo. Em 2005, foi realizado o II Congresso Mundial de Transdisciplinaridade em Vitória/Vila Velha, Brasil. Muitos outros importantes congressos nacionais e internacionais foram realizados em vários países. O último deles foi o Congresso Internacional ATLAS 2018, “Ser Transdisciplinario”, organizado pela Universidade Babes-Bolyai, de Cluj-Napoca, România.

Muitas aplicações foram feitas em vários continentes: em educação, saúde, artes, desenvolvimento sustentável e no diálogo entre ciência e religião, por exemplo. Programas de doutorado em transdisciplinaridade existem agora em muitas universidades. Hoje, pode-se afirmar que o movimento internacional de transdisciplinaridade chegou a um amadurecimento e novos caminhos de pesquisa foram abertos. O III Congresso Mundial de Transdisciplinaridade será realizado na Cidade do México, em 2020. O objetivo desse congresso é reunir um grande número de participantes de várias instituições nacionais e internacionais, com o propósito de estudar os últimos desenvolvimentos teóricos e práticos da transdisciplinaridade e propor novos modelos teóricos, experiências e ações para fazer frente aos extraordinários desafios do século XXI: educação planetária, o transhumanismo, a inteligência artificial, as tecnologias destrutivas, a saúde, a pobreza, a destruição da diversidade biológica, a mudança climática, as guerras, a violência e inumeráveis outros problemas que afligem os seres humanos e todos os seres vivos de nosso planeta.

1 Basarab Nicolescu, «”Brief Chronology of Transdisciplinarity”
2 http://ciret-transdisciplinarity.org/index_en.php
3 http://ciret-transdisciplinarity.org/chart.php#en

Eixos temáticos transdisciplinares